Ninguém precisa mais dissertar sobre como será o futuro da língua portuguesa. O Aurélio (blogueiro, não o dicionário) já tornou isso uma realidade.

E também anunciou com isso o fim dos tradutores online que existem por aí.

 

O futuro é o incrível, fantástico e incomparável tradutor português/miguxês.

 

Para explicar melhor, podemos dividir a história da língua portuguesa em 4 momentos diferentes:

Português original: A forma de português simples e pura, com acentuações, pontos e vírgulas nos devidos lugares, respeitando regras gramaticais, como esse blog o faz. O vocabulário de alguém que participa desse grupo gira em torno de 500 palavras.

Período: Século XII d.C -1997 d.C (criação do icq)

ou 900 a.I – 0 a.I (onde a.I = antes do ICQ)

Miguxês arcaico: Surgiu com a popularização do mercado de mensagens instantâneas, que tinha como um dos pioneiros o conhecido ICQ. Caracterizam esse período histórico a falta de acentuações e a substituição dos pontos e vírgulas por reticências, além das constantes abreviações.

Período: 1997 d.C – 2002 d.C

ou 0 a.I – 5 a.I

Miguxês moderno: Conhecido também como “época do dialeto msnânico”, constitui o período do “BUM” dos I.M (instant messenger), principalmente com a aparição do MSN, o I.M da Microsoft. O software trouxe novidades como os emotions, que substituíram em grande parte a escrita como conhecíamos. Caracterizam esse período a falta de diferenciação entre letras maiúsculas e minúsculas e o uso de números para substituir algumas palavras (Ex: vocês = 6 – novidades = 9dads). Podemos dizer também que nesse período as pessoas não mais conversavam, mas sim “tc”. Uma clara evolução da língua.

Período: 2002 d.C – 2005 d.C (expansão do Orkut e Fotolog)

ou 5 a.I – 8 a.I

Neo-miguxês: Este é o período em que nos encontramos hoje. Algumas pessoas ainda não se adaptaram as rápidas evoluções da língua, e se encontram num degrau mais baixo da evolução lógica dos dialetos.

Começou com a grande expansão do Orkut e dos fotologs.

Aqui, caracterizando uma forma clara de expressão moderna, quase uma arte em palavras, os ditos Miguxus, aqueles que estão no mais alto degrau dessa evolução e acompanham mais rápido as mudanças da língua, diferenciam cada letra com maiúsculas e minúsculas. Para ficar mais fácil de entender para os leigos, segue um exemplo:

A frase – “Bom dia amigos, adoro vocês!” ficaria mais ou menos assim:

“bOM DiaH mIguxXxUxXx…AdOrU vCxXx!!!!!”

Muito mais simples, concordam?

Reparem na substituição do “S” por “xXx” e no acréscimo do “h” no final de algumas palavras. Um tanto complexo no começo, mais depois que pega o jeito você não para mais. Ou já ouviu falar em ex-miguxu? É que nem ex-viado, não existe.

Período: 2005 d.C – dias atuais

ou 8 a.I – dias atuais

 

Agora que você já conhece e entende o porquê, mas ainda sente dificuldades em falar fluentemente esse novo dialeto, use e abuse do tradutor português/miguxês. E tenha uma vida mais feliz!




Confira Outras Postagens: